Maringá, PR: (44) 9 99701-2506 Cuiabá, MT: (65) 9 9600-0781

Aqui carreiras ganham asas

Banner do artigo Quanto pode ganhar um comissário de bordo? (Versão Desktop) Banner do artigo Quanto pode ganhar um comissário de bordo? (Versão Mobile)

Aviação

Quanto pode ganhar um comissário de bordo?

Trabalhar pelos ares, viajando mundo afora, conhecendo novos lugares e vivendo uma vida rica de novas experiências é um dos grandes sonhos de muita gente, não é verdade? Você pode vivenciar tudo isto através de algumas profissões, como por exemplo a de comissário de bordo. O trabalho é tido como um dos mais glamorosos que existe, e em cima disso perguntamos: será que essa ideia condiz com a verdade? E mais: quanto pode ganhar esse profissional?

Neste conteúdo vamos conhecer com mais detalhes a profissão de comissário de bordo, também chamado de comissário de voo, ou ainda de aeromoça, termo esse informal e que não se adequa mais aos novos tempos.

Vamos saber qual a média salarial de um comissário e entender por que o salário base é tão diferente do valor final recebido pelo profissional no mês.  Vamos começar?


O trabalho de um comissário de bordo

O cinema explora muito a profissão de comissário de bordo. Já vimos personagens salvando o voo de sequestros, de brigas, de desastres aéreos e de muitas outras situações dramáticas.

Tirando os exageros, realmente ser comissário de voo vai muito além de servir lanches e conversar com os passageiros, e é preciso conhecer todas as atribuições antes de levar o sonho de ser um profissional adiante. 


Entenda as suas atribuições

Para começar, o comissário de bordo é o elo entre o piloto e os passageiros, repassando para todos as informações necessárias para o bom entendimento daquela viagem. 

Através de seu trabalho que os passageiros de um voo vão se sentir seguros, confortáveis e tranquilos para voar.

É função do comissário zelar pela tranquilidade e segurança de todos em um voo, seja assessorando o piloto da nave, seja auxiliando cada passageiro que precisar de ajuda.

Outra função do profissional é estar atento à possíveis irregularidades, que podem acontecer antes do avião decolar, durante o voo e também ao aterrissar. 

É comum vermos em matérias de jornais casos em que o comissário precisou atuar de forma a garantir o sucesso de um voo, seja questionando passageiros que não se adequaram às normas exigidas pela lei, seja salvando pessoas que acabaram passando mal em um voo.

Para que isso aconteça, é preciso que o comissário tenha uma bagagem muito grande de conhecimentos, que podem vir através de estudos, de cursos e da própria experiência na profissão.

Podemos citar também outras atribuições de um comissário de voo:

  • Receber os passageiros e encaminhá-los aos seus lugares no avião;

  • Conferir os equipamentos de segurança;

  • Atender as solicitações e demandas dos passageiros;

  • Repassar todas as informações pertinentes aos passageiros.



O que precisa para ser uma comissária de bordo?