Maringá, PR: (44) 9 99701-2506 Cuiabá, MT: (65) 9 9600-0781

Aqui carreiras ganham asas

Banner do artigo Como ser um Instrutor de Voo (INVA)? (Versão Desktop) Banner do artigo Como ser um Instrutor de Voo (INVA)? (Versão Mobile)

Aviação

Como ser um Instrutor de Voo (INVA)?

Não há dúvidas que ser piloto de avião é um sonho que está no imaginário de muita gente, e não é para menos: a profissão é fascinante. É preciso observar, entretanto, que dentro da aviação civil há outros trabalhos que também são importantes e estratégicos para o setor, e um destes é o de instrutor de voo. A função envolve uma série de competências e responsabilidades essenciais para a formação de futuros pilotos e por isso há tanta gente buscando informações de como ser um INVA.

Se você é uma destas pessoas, então este conteúdo irá te contemplar em todas as suas dúvidas e curiosidades.

Vamos compreender a função que este profissional exerce dentro da aviação; também conheceremos as vantagens que o trabalho proporciona e por fim veremos detalhadamente todas as etapas necessárias para que você se torne um instrutor de voo, ou INVA.

Vamos começar?

O que é e o que faz o instrutor de voo


O instrutor de voo é o profissional responsável por preparar os alunos para serem futuros pilotos de avião. Esta preparação acontece através de capacitação, treinamentos e aulas.

Sua importância para a aviação civil e para a sociedade é ímpar, pois um bom trabalho executado pelo instrutor de voo acaba resultando no surgimento de novos pilotos de avião, competentes, comprometidos e responsáveis.

A profissão pode ser exercida por pessoas que já concluíram a formação teórica e prática no curso de piloto comercial e por isso o trabalho acaba sendo uma porta de entrada para um mercado de trabalho que é muito competitivo.

Exercer a função de instrutor de voo também vai permitir que o profissional ganhe horas de voo, experiência (exigida pelas grandes companhias aéreas), além de remuneração, o que é muito bem-vindo no início da jornada de qualquer iniciante.

As atribuições do instrutor de voo


Vamos conhecer as principais atribuições do instrutor de voo:

  • Ensinamentos teóricos

Ser um piloto de avião demanda uma busca incessante por conhecimento sobre assuntos como aerodinâmica, meteorologia, regulamentações aéreas, navegação, comunicação, dentre outros. O instrutor de voo terá como trabalho inicial preparar e repassar de forma didática todos estes conhecimentos aos alunos, usando materiais didáticos, recursos visuais e manuais.

  • Ensinamentos práticos

Se a teoria tem um papel importante para a formação de futuros pilotos de avião, imagina então a prática? Neste cenário, o instrutor tem uma função estratégica, pois é trabalho dele acompanhar os alunos no cockpit da aeronave.

Neste momento o instrutor acaba observando atentamente todos os passos e tomadas de decisão do aluno, para então consertar erros ou potencializar os acertos. Além de observar, ele vai demonstrar técnicas, procedimentos de decolagem, navegação, procedimentos de pouso, além de simular muitos dos possíveis problemas que o futuro piloto poderá passar nos céus.

Preparar os futuros pilotos para emergências é uma das funções fundamentais do instrutor, e esse trabalho inclui simulações de falhas do sistema, falhas de comunicação ou procedimentos de pouso de emergência.

  • Feedback e avaliação

O instrutor de voo será o braço direito do aluno, e dele sairá os mais produtivos e necessários feedbacks que o futuro piloto precisará para se transformar em um profissional competente.

O instrutor irá avaliar continuamente o aluno, até o final do curso, apresentando todos os pontos fortes e fracos e criando um planejamento para que o futuro piloto consiga corrigir falhas e reforçar qualidades.

  • Preparação para exames

Outro trabalho realizado pelo instrutor de voo diz respeito à preparação dos alunos para os exames teóricos, necessários para que o candidato consiga realizar o sonho de ser piloto e tirar a tão sonhada carteira profissional, também chamada de brevê.

O instrutor vai orientar o aluno sobre os assuntos que demandam mais atenção, sobre os conteúdos que devem ser estudados e vai praticar simulados com ele, para avaliar o desempenho e a evolução do aluno.

  • Quais as vantagens em ser instrutor de voo

Já vimos que ser instrutor de voo acaba servindo em muitos casos como porta de entrada para futuras oportunidades de trabalho em grandes companhias aéreas. O trabalho te fornece horas de voo e experiência exigidas pelas grandes empresas do setor.

Mas há outras vantagens que o trabalho proporciona:

  • Aprende a lidar com pessoas

O trabalho de piloto de avião demanda habilidades sociais como a necessidade de lidar com passageiros, além de colegas de trabalho, como copilotos, e outros profissionais.

Neste sentido o trabalho de instrutor vai te preparar para lidar com os mais diversos perfis, já que aparecerão alunos falantes, calados, educados, arrogantes, chatos, dentre outros perfis. Esses alunos serão futuros pilotos, que terão personalidades diferentes da sua, mas que você poderá ter que lidar de forma saudável e produtiva em um futuro.

  • Comunicação eficiente

Trabalhar com instrutor vai de dar uma bagagem muito grande de conhecimentos sobre comunicação assertiva, ou seja, aquela comunicação clara, eficiente e produtiva, que torna o processo de diálogo saudável e sem ruídos.

Aprender a se comunicar bem é uma qualidade que pilotos de avião precisa dominar de qualquer jeito, pois suas palavras têm um enorme poder perante os passageiros e tripulação.

  • Inspirar e ser referência para futuros pilotos

Do ponto de vista simbólico, o trabalho de instrutor de voo tem uma importância tão grande, pois o profissional acaba sendo a grande referência para aquele futuro piloto, que sempre lembrará da jornada até chegar ao cargo de piloto e que nuca esquecerá da importância do trabalho do instrutor de voo.

O instrutor de voo não se limita somente a ensinar técnicas e passar conhecimento. O instrutor de voo vai direcionar, orientar, motivar e inspirar o aluno.

Outras vantagens:

  • Horas de voo;
  • Maiores oportunidades de emprego no futuro;
  • Porta de entrada para grandes companhias aéreas;
  • Aperfeiçoar continuamente as habilidades de piloto de avião.  

Como ser um Instrutor de Voo